EPAOE

Conceito e Pedagogia

As técnicas circenses são o centro de aprendizagem física, artística, cultural e plástica dos cursos de Artes e de Ofícios do Espectáculo.

A EPAOE trabalha para que o corpo deixe de ser um instrumento e se afirme na sua individualidade física e mental, descobrindo a criatividade de construir o espectáculo ; entrar na EPAOE significa decidir estar presente e determinado a entregar-se ao imenso esforço e disciplina que a formação em artes e ofícios exige.

Os conhecimentos práticos e teóricos cruzam-se em seminários e laboratórios que área de Integração coordena.

A formação dos alunos, completa-se, no último ano, com os estágios profissionais nas áreas da animação cultural e social, em Companhias de teatro, dança e circo, em Ateliers de profissionais (plásticos, de adereços, guarda-roupa), na Televisão ou em organismos públicos e privados, em Portugal e no Estrangeiro.

O Chapitô desencadeia novos caminhos dentro das linguagens circenses e como membro efectivo da Federação Europeia das Escolas de Circo (FEDEC) participa ainda em encontros internacionais, que proporcionam momentos de reflexão, avaliação e debate sobre os processos educativos, sobre as linhas estéticas de Um Outro Circo.